Diário de Viagem: Santiago, Chile dia 5

Olá meus queridos, como estão?

Hoje nós temos a última parte do diário de viagem.

19/01/2016 – Terça- Feira Dia 5:

O último dia em Santiago foi bastante corrido, porque deixamos muitos passeios importantes para esse dia.

Primeiro fomos até o Parque Metropolitano de Santiago, que é tão enorme que para acessar alguns pontos você só consegue ir de carro.

No Parque Metropolitano há diversas atrações, que são impossíveis de ver todas em um só dia, então escolhemos visitar apenas 3.

A primeira foi o Zoológico Nacional do Chile, cuja entrada custa 3.000 pesos e nele você pode encontrar animais populares em todo o mundo e animais nativos do Chile.

DSC01425.JPG

DSC01446.JPG

O aviário do zoológico é muito incrível, pois as aves ficam soltas e você pode vê-las de pertinho.

DSC01458.JPG

DSC01484.JPG

DSC01564.JPG

DSC01585.JPG

Bom, esses são apenas alguns dos diversos animais do zoológico, que vale muito a pena conhecer.

A segunda atração que visitamos foi o Cerro San Cristóbal, também no Parque Metropolitano, porém para chegar até ele tivemos que pegar um funicular , cujo preço pode variar de 800 a 2.600 pesos, dependendo do dia da semana.

DSC01679.JPG

Ao descer do funicular temos esta visão espetacular da cidade:

DSC01634.JPG

Este é um lugar muito agradável para ficar, pois tem banquinhos e lojinhas de souvenir e comida, porém você também pode continuar subindo por estas rampas decoradas com cruzes artísticas:

DSC01648.JPG

DSC01651.JPG

Após subir as rampas você encontrará a capela de Imaculada Conceição:

DSC01671.JPG

Subindo mais um pouco você chegará aos pés da Santa, um lugar de paz e oração com uma vista deslumbrante.

DSC01658.JPG

Saímos do Parque Metropolitano para conhecer um parque mais ou menos próximo: Parque Bicentenário de la Infância, um parque destinado às crianças.

DSC01684.JPG

O parque não tem nada de muito especial e se você for ficar poucos dias em Santiago, nem vale a pena ir.

Voltamos ao Parque Metropolitano para ir até a Piscina Antilén, que fica em um dos pontos mais alto do parque e por isso tivemos que ir de táxi.

A piscina abre apenas no verão e custa aproximadamente 8.000 pesos(dependendo do dia da semana o preço pode variar).

DSC01714.JPG

A piscina é bem grande e também a cadeiras para relaxar na sombra.

Mesmo assim, o mais legal, como em muitos lugares no Chile, é a vista:

DSC01719.JPG

E assim terminou nosso último dia de viagem.

E vocês já visitaram algum desses lugares?

Qual vocês gostariam de visitar?

Contem para mim nos comentários. 😉

Anúncios